Descoberta as primeiras galáxias após o Big Bang

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!

Descoberta as primeiras galáxias

O telescópio James Webb encontrou três galáxias primitivas, possivelmente do início do universo. Continue a leitura para saber mais sobre a descoberta das primeiras galáxias.

O supertelescópio James Webb está revolucionando o mundo da astrofísica com a quebra de vários recordes. Um deles é sobre a descoberta de galáxias primitivas, formadas logo após a explosão do Big Bang.

Por ser o telescópio mais potente e moderno da história, o James Webb consegue captar imagens mais nítidas e sondar os primeiros estágios da formação de galáxias.

Descoberta das galáxias

Tratam-se das candidatas CEERS-93316, GLASS-z12 e GLASS-z10, formadas aproximadamente em 250, 300 e 450 milhões de anos após o Big Bang, respectivamente.

Elas são definidas como candidatas, pois precisam de estudos de espectroscopia para confirmar o redshift (desvio para o vermelho). Esse desvio é utilizado para medir distâncias no universo com base no efeito Doppler .

Caso confirmado, o CEERS-93316 se tornará a galáxia mais antiga e distante do universo até o momento. Sua distância adequada é de 34,9 bilhões de anos-luz (considera-se a expansão do universo).

A candidata CEERS-93316 foi anunciada pelo grupo de pesquisa colaborativa liderada por Donnan, enquanto GLASS-z12 e GLASS-z10 pela equipe de astrofísicos comandada por Rohan Naidu.

CEERS significa “Cosmic Evolution Early Release Science Survey” (Pesquisa Científica de Liberação Antecipada da Evolução Cósmica, em tradução livre). Por sua vez, GLASS vem de “Grism Lens-Amplified Survey from Space” (Levantamento Amplificado do Espaço pelas Lentes Grism, em tradução livre).

Além de chamarem atenção pelo provável tempo de origem, as galáxias primitivas observadas são bastante diferentes das já conhecidas que nos rodeiam.

Como diferença, elas são mais luminosas e com formato esférico ou de disco, ao invés de grandes espirais como a Via Láctea.

Reformulação da teoria do universo

De acordo com a NASA, esses achados podem alterar fundamentalmente o que sabemos sobre as primeiras estrelas que se formaram após o Big Bang.

Até o momento, a teoria mais aceita da cronologia do Universo apresenta um período de 400 milhões de anos sem estrelas, planetas ou galáxias depois da grande explosão. Esse período é denominado como Idade das Trevas.

No entanto, os sistemas encontrados pelo James Webb desafiam esse conceito devido o novo tempo estimado de formação das galáxias.

Com os resultados da descoberta das galáxias primitivas, os pesquisadores acreditam que algumas estrelas podem ter começado a se formar a partir de 120 milhões de anos após o Big Bang.

Gostou do artigo sobre a descoberta das primeiras galáxias? Encontre artigos interessantes como este Clicando Aqui!

Outros Artigos

Reprodução-das-Plantas
Biológicas

Reprodução das Plantas

Você sabe como funciona o processo de reprodução das plantas? Qual a sua importância e o porquê de acontecer? Clique aqui e saiba mais.

Legal

® 2021-2024 Meu Guru | 42.269.770/0001-84 • Todos os direitos reservados

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!