Detecção da COVID-19 pelas lágrimas? Entenda

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!

Detecção da COVID-19 pelas lágrimas

Pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) descobriram que é possível a Detecção da COVID-19 pelas lágrimas. Dessa forma, obtiveram as amostras do líquido lacrimal de duas formas: com o swab, o cotonete flexível já utilizado para coletar amostras do nariz ou da boca, e com as tiras de schirmer.

Eles realizaram o estudo com pacientes internados no Hospital das Clínicas de Bauru (SP) com o diagnóstico da doença comprovado por procedimentos tradicionais.

O intuito foi o de simplificar o procedimento do diagnóstico ao paciente. A coleta habitual pelo swab nasal e oral gera dor e incômodo ao paciente.

Os cientistas divulgaram o estudo na revista Journal of Clinical Medicine, onde descreveram a eficiência das amostras e da técnica de coleta para diagnosticar da COVID-19.

Resultados

Para avaliar o método, utilizaram o exame laboratorial feito por biologia molecular considerado o padrão-ouro: a reação quantitativa em cadeia da polimerase em tempo real (qRT-PCR). Esta técnica consiste na detecção do genoma viral do SARS-CoV-2.

Embora tenha detectado o RNA viral do SARS-CoV-2 nas amostras lacrimais, os testes apresentaram baixa sensibilidade. Foram detectados a infecção de apenas 18,2% nas coletas com o swab conjuntival e 12,1% das tiras de schirmer. Por outro lado, não forneceu nenhum falso positivo.

Outro ponto que o estudo enfatiza a necessidade de medidas de proteção para os profissionais de saúde. Ou seja, se foi possível detectar o RNA viral nas amostras lacrimais, existe a possibilidade de transmitir o SARS-CoV-2 por meio destes fluidos infectados.

O fato de o vírus ser encontrado mais facilmente nas lágrimas dos casos mais graves de COVID-19, ou seja, pacientes com comorbidade, foi apontada como uma das prováveis justificativas da baixa detecção.

Contudo, caso seja a verdadeira a relação entre a presença de comorbidades adicionais e uma maior taxa de mortalidade entre os pacientes com teste lacrimal positivo, abre a possibilidade de previsão dos casos graves. Isto poderia ajudar no prognóstico para a melhora do paciente.

Portanto, foi conseguido demostrar que existe uma forma de usar a lágrima para a detecção de pacientes infectados pela COVID-19. No entandto, é necessário mais estudos para aprimorar a técnica e confirmar as hipóteses levantadas no trabalho.

Gostou do artigo sobre a Detecção da COVID-19 pelas lágrimas? Confira nossos textos relacionados sobre Como prevenir pandemias e Como funcionam as vacinas contra COVID-19.

Outros Artigos

biologia-o-que-mais-cai-no-enem.
Atualidades

Biologia o que mais cai no ENEM?

Biologia no Enem é um tema bastante amplo e possui um peso significativo na prova e merece total atenção. Descubra como gabaritar aqui!

Derivadas é a análise de taxas de variação. Quando calculamos a derivada de uma função em um ponto específico
Engenharias

Derivadas: Pontos críticos

Derivadas é a análise de taxas de variação. Quando calculamos a derivada de uma função em um ponto específico.

Legal

® 2021-2024 Meu Guru | 42.269.770/0001-84 • Todos os direitos reservados

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!