Embalagem: Completando o rótulo

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!

A bromatologia caracterizada como a ciência que estuda os alimentos, sua composição, tipos de alimentos e suas possíveis alterações. Sendo assim, seu conhecimento abrange o entendimento da composição alimentar, calorias, dieta, propriedade físicas, química, toxicológicas e as possíveis fraudes. Portanto, meu caro leitor, através desse post, você saberá mais sobre a bromatologia e retirar algumas de suas dúvidas iniciais. Logo, veremos mais adiante sobre embalagem na visão bromatológica.

Conceito de embalagem

A embalagem, caracterizada como todo recipiente que detêm a capacidade armazenar os alimentos. Desse modo, têm a finalidade de guardar os alimentos, por um determinado período de tempo afim de manter a sua integridade alimentar. Sendo assim, sua principal função, será de distribuir, comercializar, armazenar e consumir os alimentos.

Tipos de embalagem

Acerca do conhecimento da embalagem e suas diversas formas de armazenamento, sabe-se que existe alguns tipos específicos para cada alimento. Desse modo, os principais tipos de embalagem são:

  • Caixa
  • Sacos de papelão
  • Envelopes
  • Fardos
  • Bobinas de papel

Particularidades da embalagem

No entendimento da embalagem, a mesma deve passar o máximo de informações ao consumidor de forma clara e objetiva. Desse modo, veremos a partir desse ponto essas particularidades, super importantes.

Tipo

É o termo indicativo da forma de apresentação do alimento, em função de suas características
peculiares (ex. macarrão tipo parafuso). Desse modo, o termo que indica tecnologia característica de diferentes localidades, para obter alimentos com propriedades parecidas as típicas de certas regiões conhecidas. Portanto, deverá constar a expressão “tipo” na denominação de venda do alimento, com letra de igual tamanho, destaque e visibilidade. Por exemplo, sorvete tipo napolitano, queijo tipo Rockefort.

Marca

É o que identifica um ou vários produtos do mesmo fabricante e que os diferencia de produtos de outros fabricantes.

Lote

Caracterizado como conjunto de produtos de um mesmo tipo, processados pelo mesmo fabricante, em um mesmo espaço de tempo determinado, sob condições iguais. Desse modo, possibilita a localização do conjunto de produtos quando se identifica falhas ou perigos num produto pertencente a este conjunto.

País de origem

Definido como aquele onde o alimento foi produzido ou onde sofreu o último processo de transformação. Sendo assim no caso de alimentos que tenham etapas de processamento em diferentes países.

Lista de ingredientes na embalagem

Os ingredientes devem estar em ordem decrescente de quantidade. Contudo, exceto em misturas
onde os ingredientes estão em quantidades iguais ou quando o produto tiver apenas um ingrediente.

A água deverá ser declarada na lista de ingredientes.

Declaração de aditivos alimentares

Nos aditivos alimentares devem fazer parte da lista de ingredientes, sendo declarados logo após os
ingredientes. Sendo assim, na lista devem constar a função principal e seu nome completo.

As embalagens que contiverem corantes artificiais deverão trazer a declaração, colorido artificialmente.

Os rótulos de alimentos elaborados com essências naturais deverão trazer a indicação: “Sabor de …” e “Contém Aromatizante”.

Os rótulos de alimentos elaborados com essências artificiais deverão trazer a indicação: “Sabor imitação ou artificial de …” seguido da declaração “Aromatizado Artificialmente”.

Portanto, gurunauta, se esta afim de conhecer mais sobre a bromatologia, não deixe de acompanhar nosso blog. Pois nessa seção, você verá imagens e assuntos pouco abordados em sala de aula, que vão te auxiliar na sua vida acadêmica. Te espero aqui, mete bronca!!

Outros Artigos

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!

contato@meuguru.com

CNPJ 42.269.770/0001-84

Nos siga nas redes!