Potencial de Ação: Parte 1

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!

A fisiologia humana é descrita como a divisão da área da saúde que estuda o funcionamento normal do corpo humano. Através dela, posso entender como as atividades funcionais realizadas pelo organismo se interagem e atuam de forma sinérgica. Sendo assim, nessa interação sistemática e de altíssima complexidade a qual é chamada de homeostase, é o foco de toda a fisiologia humana, equilíbrio funcional. Contudo, em todos os processos existem falhas, e nestes defeitos gerados a partir de diversas causas, acontecem as doenças ou patologia. Desse modo, vamos aprender o conceito básico de membrana plasmática e suas principais funções na fisiologia humana. Portanto, veremos tudo sobre o potencial de ação, e suas aplicabilidades. No entanto, devemos rever conceitos básicos para a compreensão do potencial de ação.

Princípio do potencial de ação

Acerca do conhecimento das grandezas físicas, devemos relembrar o entendimento da eletricidade. Os conhecimentos básicos da eletricidade são importantes, visto que todos os elementos químicos possuem carga elétrica. Diante disso, todos os átomos têm carga elétrica neutra porém alguns apresentam carga elétrica positiva ou negativa. Desse modo, podemos classificar os átomos carregados eletricamente positivos de prótons. Os elementos que possuem carga elétrica negativa, podemos chamar de elétrons. E não diferentemente, os átomos que possuem cargas iguais positivas e negativas, chamamos de nêutrons.

De grande relevância, os átomos não apresentam diferenças de cargas elétricas em seu conteúdo elétrico. Sendo assim, quando os átomos perdem ou ganham carga elétrica, ocorre o surgimentos dos íons. Desse modo, esses sim, possuem a carga elétrica de forma aparente, os quais podem ser prótons, elétrons ou nêutrons. Portanto, posso elencar os principais íons que são estudados na bioeletrogênese.

Os principais prótons são: Potássio (K+), Cálcio (Ca++), Sódio (Na+) e Hidrogênio (H+).

O principal elétron com relevância na biofísica é o Cloro (Cl).

Conceito da membrana plasmática

Acerca do conhecimento fisiológico, necessitamos entender o básico dessa ciência. Desse modo, aprender sobre os conceitos básicos nos permitirá compreender todo o funcionamento do maquinário humano. Portanto, a principal estrutura básica e ao mesmo tempo complexa é a membrana plasmática.

Principal função

A membrana plasmática tem como função básica separar o meio interno do meio externo. O meio interno, também conhecido como meio intracelular é o local o qual estão contidas as organelas, que são responsáveis pelo funcionamento celular. Já, o meio externo é retratado como todo espaço ou local fora do meio intracelular. Contudo, para o controle de nutrientes que entram e saem da célula, a membrana realiza a permeabilidade seletiva.

Corrente elétrica aplicada ao potencial de ação

Todas as nossas células neuronais e musculares são capazes de conduzir corrente elétrica. Desse modo, para garantir o essa passagem elétrica, é necessário que haja uma diferença de potencial (DDP). Conforme alguns autores, essas células excitáveis têm a capacidade de gerar propagar os sinais elétricos. Sendo assim, a condução elétrica se propaga através da membrana plasmática. Logo, a bioeletrogênese, pode ser classificada em potencial de repouso e potencial de ação.

Portanto, gurunauta, se esta afim de conhecer mais sobre a fisiologia humana, não deixe de acompanhar nosso blog. Pois nessa seção, você verá imagens e assuntos pouco abordados em sala de aula, que vão te auxiliar na sua vida acadêmica. Te espero aqui, mete bronca!!

Outros Artigos

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!

contato@meuguru.com

CNPJ 42.269.770/0001-84

Nos siga nas redes!