Transbordamento zoonótico: o causador de surtos

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!

Transbordamento zoonótico

Você sabe o que é preciso pra o surgimento de uma nova doença em humanos? A resposta é transbordamento zoonótico, e é sobre esse fenômeno que vamos tratar neste artigo.

Dentre as duvidas geradas pela atual pandemia da COVID-19, a de como se origina a transmissão de uma doença apresentou um grande destaque.

Transbordamento zoonótico

O transbordamento zoonótico ou spillover é um evento comum na natureza, no qual patógenos que naturalmente infectam animais, como vírus, bactérias, fungos e protozoários, sofrem mutações e passam a infectar pessoas (ou sejam, são zoonoses).

E quando digo comum é bem mais do que se possa imaginar. Doenças conhecidas, como AIDS, tuberculose, Dengue e a COVID-19 infectavam somente animais selvagens até se tornarem doenças humanas.

No caso da COVID-19, de acordo com a OMS, o vírus SARS-CoV-2 passou do morcego para um mamífero intermediário (pangolim), e dele para o ser humano.

Na maioria dos casos, os humanos que contraem a doença não são capazes de contaminar outras pessoas, como é o caso da raiva, transmitida pela mordida de um animal infectado com esse vírus.

No entanto, alguns tipos de patógenos conseguem gerar casos secundários e estabelecer uma cadeia de transmissão, que varia de acordo com o organismo transmissor.

Meios de Transmissão

A transmissão ocorre basicamente de duas formas: de pessoa infectada para pessoa, e de inseto infectado pra pessoa.

A propagação de pessoa pra pessoa geralmente ocorre pelo ar ou contato físico com as gotículas e aerossol contendo o patógeno, como ocorre com o já citado SARS-CoV-2.

Além disso, existe a transmissão pela relação sexual, como acontece com o vírus HIV.

Quando transmitidos pela picada de insetos hematófagos (que se alimentam de sangue), predominantemente por mosquitos, denomina-se a doença como arbovírus. Destaca-se a Dengue, Zika e Chikungunya.

Como controlar novos surtos

Embora muitos pesquisadores estejam estudando o assunto, ainda não sabemos o número de zoonoses que existem ou possam existir na natureza.

Contudo, algumas medidas podem ser feitas para controlar esses patógenos, evitando o surgimento de endemias, epidemias e pandemias.

A degradação de biomas é uma das causas do aparecimento de novas zoonoses. A degradação e desmatamento de forma desenfreada aumentam a exposição do homem com áreas inexploradas, que podem conter milhares de patógenos desconhecidos.

Além disso, o consumo de animais selvagens ou sem procedência (como o mercado de Wuhan, China, dita como o local de início da pandemia da COVID-19) são facilitadores de contaminação.

Por fim, a vacinação, controle e monitoramento da saúde de animais de proução e domésticos são essenciais para evitar novos surtos.

Gostou do artigo? Clique Aqui para saber mais sobre as vacinas contra a COVID-19.

Outros Artigos

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos!

contato@meuguru.com

CNPJ 42.269.770/0001-84

Nos siga nas redes!